domingo, 13 de maio de 2018

HISTORIA: Revolução Francesa (Etapas, Causas e Importância)


O início da revolução Francesa
A convocação dos estados gerais e a tomada da bastilha para solucionar o problema da crise económica. O estado colocou a hipótese de cobrar impostos também os grupos privilegiados, mas estes não concordavam. O rei Luís XVI decidiu então convocar os estados Gerais, que não se reuniam desde 1614.
A abertura dos estados gerais teve lugar em versalhês, as de maio de 1789.
Começaram por deliberar sobre o problema de meter o tradicional funcionamento com sessões separados para cada estado e votação por ordem, ou pelo contrário, aceder ceder vontade do terceiro estado e organizar o trabalho em sessões conjuntos com votos por cabeça.
Foi então que o povo de paris, dirigido por alguns Burgueses e apoiado por militares, em 14 de Julho de 1789, associado a fortaleza-prisão da bastilha, onde estavam detidos os que se opunham ao Regime, liberou os presos.    

Etapas da Revolução Francesa
·         Etapa (Julho de 1789-agosto 1792) da monarquia constitucional ao fim do antigo regime
Esta etapa foi chamado fase da a emblema nacional porque durante a maior parte deste período, os destinos da franca estiveram nas mãos da assembleia.

Causas da Revolução Francesa
Nas vésperas da Revolução, cerca de 28 milhões de Franceses viviam num regime Social de igualitário.
A sociedade estava dividida em ordens ou estados, nomeadamente:clero, nobreza e terceiro estado (povo).
O estado mas importante da franca era constituída pelo clero, a que se seguia a nobreza. Estes dois estados eram aos mas privilegiados, encontrando-se isentos de quase todos os impostos.
A nobreza exercia todas as funções do governo e ocupava todos os postos do comando do exército. Alem disso, vivia dos impostos lançados sobre os camponeses.
No entanto, o clero e a nobreza representavam apenas 2% da população francesa, enquanto o terceiro estado ao povo representava 98%.
O tercio estado era uma ordem bastante heterogenia. Nela se inseriam os artesões, os operários, os burgueses (comerciantes, banqueiros, os donos dos manufacturas), assim como os trabalhadores rurais.
·         Permanecia de relações feudais no campo, o que impedia os desenvolvimentos da pequena pregueia emergente;
·          Existência de um porte burguesia conformada com o regime político vigente;
·         Incompatibilidadede padrões sociais com o advento do capitalismo.
·         As alfândegas feudais que dividiam a franca impediam a evolução do comércio;
·         Injustiça dos senhores feudais para com os servos que trabalhavam nas pequenas parcelas agrícolas;
 Se um camponês falace, aparecia um administrador do senhor o exigir uma parte considerável da herança.

Importância da revolução Francesa
 A importância da revolução francesa e que ela marca além do início da aplicação do ilusionismo, marca também o fim da era dos reis absolutistas. E a intolerância religiosa.
Nome da que foi dado ao conjunto de acontecimentos que ocorrem entre 5 de Maio de 1789 a 9 de Novembro de 1799, os mesmos alteram completamente o quadro político social da franca. Foi influenciada pelos ideais do iluminismo e da independência Americana 

Artikel Terkait